O audiovisual na mídia social: dicas interessantes do quê está sendo produzido no Instagram

Por Lis Maia

20/08/2020

O audiovisual na mídia social: dicas interessantes do quê está sendo produzido no Instagram

Inovação. Reinvenção. Transformação. Resiliência

Essas são algumas palavras que fazem parte do dia a dia, de quem na vida, escolheu o ofício da arte de interpretar: não podemos cair na rotina e nem repetir os mesmos temas, ou focar sempre nos mesmos tipos de personagens. Mais cedo ou mais tarde vamos acabar nos engessando na interpretação ou esgotando o público com o mesmo repertório.

O “artista raiz” é por sua própria natureza inquieto. Nunca satisfeito com a bagagem de conhecimento que carrega, está sempre querendo conhecer, explorar e experimentar o novo.

E por falar nisso, já digo que para mim não existe esse conceito de “novo normal”, que vêm sendo repetido quase à exaustão pela maioria da mídia, quando querem se referir às mudanças que estão sendo incorporadas as nossas vidas como consequência da pandemia.
Acredito que estamos vivendo uma nova realidade, que é uma realidade distinta… e realidade não tem nada a ver com normalidade.

Vejam, o dicionário¹ diz que:

Significado de normalidade: qualidade do que é normal, segundo as normas estabelecidas. Significado de realidade: característica ou particularidade do que é real (tem existência verdadeira).

Pois bem. Não precisam concordar comigo. Sejamos amigos! Opiniões estão aí para serem expressadas e o diálogo é sempre o melhor caminho… Mas o fato é, que para mim, os artistas estão se adaptando a essa realidade, que momentaneamente – embora ainda não saibamos até quando – estamos inseridos, e a cada dia que passa, mais conteúdos estão sendo produzidos e com sucesso no INSTAGRAM.

E a receita é bem simples: uma boa ideia na cabeça e um celular na mão, ou aonde a imaginação mandar.

Tenho acompanhado alguns perfis, e divido agora com vocês, exemplos de conteúdos de qualidade, onde a protagonista com certeza é a criatividade! Dentro das suas casas e sem os recursos oferecidos pelos estúdios profissionais, esses artistas têm dado um show no quesito “produção de conteúdo audiovisual dentro de casa durante a pandemia”. É como dizem: The show must go on!!!

Prontos? Têm indicação para todo o tipo de freguês…rs.

Meu primeiro destaque vai para o ator Marino Rocha (@marinorocha14), que vêm dando vida ao personagem Edu da Tijuca, brindando diariamente seus seguidores “mamíferos” (apelido carinhoso para quem acompanha as suas histórias) com posts, músicas e vídeos maravilhosos, mostrando sempre que sim, os gordos podem caber na vida e que preconceito ali não faz morada! Marino é o idealizador da @serieadietadoamor e a gordofobia é o seu tema central.

Importante dizer que “A Dieta do Amor” foi primeiramente pensada como série para TV ou Web, e chegou a ser filmada, mas com a chegada da pandemia sua pós-produção e edição foram paralisadas, fazendo com que Marino “migrasse” (por enquanto) sua ideia para o Instagram, nos dando assim uma proximidade maior com o Edu, que mostra todos os dias e lembra sempre que “Gordo é igual a magro. Só que gordo” (frase já clássica desse simpático Tijucano). Vale a pena seguir esse perfil e se deliciar com aulas poderosas de autoestima.

E #ficaAdica! Toda quinta-feira, às 20h, têm LIVE com Joana Novaes (@joachcar): psicanalista (SBPRJ), escritora, professora do Programa de Psicanálise, Saúde e Sociedade da UVA e coordenadora do Núcleo de Doenças da Beleza da PUC-Rio.

Joana e Edu comentam sobre assuntos que são pertinentes a série, e sempre tentam dar destaque aos traumas sociais causados por uma sociedade gordofóbica, passando por aspectos que tratam desde a formação do preconceito social ao cidadão gordo como consumidor.

Detalhe importante: pessoas gordas representam mais de 50% da população brasileira. Uma das LIVES, por exemplo, teve como tema a “Gordofobia Familiar”, e uma outra o convívio social: “O seu corpo gordo não prejudica a sociedade”.

Se identificaram? Sigam! É imperdível!!!

Quem também está brilhando nesse novo formato de entretenimento, é um time de mulheres poderosas!!! As atrizes Cacau Protásio (@cacauprotasiooficial) e Luana Xavier (@luaxavier), juntamente com a humorista Maíra Azevedo (@tiamaoficial), estão à frente da websérie @redondamenteenganadas.

Com direção de Elísio Lopes Jr. (@elisiolopesjr), a série conta de forma hilária as “tretas” amorosas de três mulheres que descobrem estar se relacionando com o mesmo homem.

Pensado primeiro para o teatro e devido a pandemia, concretizado no “virtual”, o projeto é repleto de representatividade e sororidade feminina, mostrando também que é possível se fazer conteúdo audiovisual de qualidade, mesmo estando de quarentena dentro de casa.
Ainda não assistiram? Sigam agora esse trio e ouçam com atenção o que elas têm a dizer…. Vocês não vão se arrepender!

E por falar em mulheres poderosas, a atriz Fernanda Paes Leme (@fepaesleme) também está com um trabalho superinteressante e inteligente na sua página do Instagram.

Estou falando da FAKE LIVE! A websérie desenvolvida, juntamente com o seu irmão Alexandre Paes Leme (@alepaesleme), traz um ar totalmente Black Mirror, fazendo a gente parar para refletir que loucura que é essa vida dentro do Instagram.

O que você faria se descobrisse que você tem um outro “eu” e que este está “roubando” a sua vida no mundo virtual? Particularmente achei a ideia sinistra e não perco um único episódio! Não assistam procurando a Patty da série Sandy & Junior. Fernanda Paes Leme está ali por inteira!

Produzindo, dando um show de interpretação e nos provocando a pensar sobre o nosso “aqui e agora” nas redes sociais. E então… curiosos? Quem sabe os seus Fakes já estejam assistindo e vocês ainda não sabem… Fiquem de olho!

E para fechar com chave de ouro, a dica é seguir o ator Pedroca Monteiro
(@pedrocapedroca) e a sua #mininovela. Todos os dias, ao meio dia, ele nos
presenteia com os seus diferentes e peculiares personagens, que fazem parte do elenco de uma novela que vocês nunca viram igual.

Já ouviram falar do gato Pipi? O “gato escroto” que detesta o próprio dono? Ou da Carol Priscila (@carolpriscillers)? Carol inclusive já têm uma música que virou hit entre os seguidores da novela: Solidão Galopante. Até a sambista Teresa Cristina e o cantor Lulu santos já se renderam a #mininovela e gravaram vídeos cantando o hit da Carol!

Pedroca usa os filtros do Snapchat para criar os seus personagens e nos surpreende diariamente com uma criatividade arrebatadora! O roteiro é hilário! Duvido vocês não virarem fãs desse folhetim. Super indico esse projeto do Pedroca!

Rir continua sendo o melhor remédio… E indico principalmente como um bálsamo, para amenizar os momentos solitários que muitos têm vivenciado nessa eterna quarentena, representada de forma certeira nesse trecho da música: “solidão que vem… solidão galopante…”

Estes perfis estão ajudando muitas pessoas a respirar com maior facilidade.

Sigamos…


¹ https://www.dicio.com.br/

Lis Maia

Lis Maia

Entretenimento