Entrevista com Digão do Raimundos

Por Charlis Haubert

15/07/2020

Entrevista com Digão do Raimundos

Digão é  guitarrista e vocalista da banda Raimundos, considera por muitos como a maior banda de rock nacional da década de 1990. Batemos um papo com ele sobre a banda, sobre rock e sobre a vida. Confira:

O nome Raimundos deriva de Ramones, nasceu em Brasília e tem uma pegada nordestina em várias músicas. De onde vem essa influência?

Primeiramente vem da nossa descendência nordestina, sempre ouvíamos forró nos churrascos, viagens de carro… Quando começamos a frequentar os lugares que as bandas iam nos anos 80, descobrimos o punk rock e ficamos totalmente fissurados nos RAMONES, aí juntando um no outro… 

Como você avalia a cena atual do rock nacional?

Que não é o momento do rock isso é notório na juventude brasileira, mas existe um borbulho no underground onde é o habitat natural. É o momento das bandas usarem isso pra inventar e se reinventar. 

O que você anda fazendo na quarentena?

Tenho cuidado muito da minha saúde com minha noiva, trilhando esse novo caminho que a quarentena nos trouxe, prestando muita atenção no que tudo isso tá querendo nos dizer e seguir em frente sem medo de ser feliz. 

O que não pode faltar no teu guarda roupas?

Roupas que me caem bem, que expressam o que sou, amo o preto, o rock, o diferente! 

Quais os próximos projetos do Raimudos pós pandemia?

Músicas novas! 

Cara como foi a reconciliação com o Rodolfo? O que te motivou a ligar pra ele?

Depois de tudo que aconteceu nesses anos, consegui reconstruir minha vida e conquistar o meu espaço como “front man”, isso me trouxe um entendimento, uma paz  e colocou no meu caminho a Vivi, minha noiva que mudou minha vida! Há algum tempo percebi quando contava histórias da banda que ela adora ouvir, me referia ao Rodolfo com uma alegria e a Vivi me falava “olha como você está feliz falando dele” , comecei a perceber que toda mágoa tinha mesmo sumido e resolvi ligar, foi a melhor coisa que fiz na vida, tiramos um peso que nós dois precisávamos muito! Foi e está sendo muito bonito e verdadeiro! 

Existe possibilidade real para ou reencontro? Se depender de você rola?

Em nenhum momento tive alguma pretensão nesse sentido, respeito muito a mudança dele em sua vida e só queria mesmo o meu amigo de volta. Se depender de mim!? O que posso dizer é que o Rodolfo foi e sempre será o meu melhor parceiro de banda, o que ele quiser fazer em relação a isso, terá o meu respeito, honra e alegria, pode ter certeza. 🤟🏽

Charlis Haubert

Charlis Haubert

Música